Novembro 04, 2019

ANA MARCELA É ELEITA A MELHOR DO MUNDO – DESTA VEZ PELA REVISTA NORTE-AMERICANA SWIMMING WORLD

 

Em uma temporada brilhante, a tetracampeã mundial de Maratonas Aquáticas Ana Marcela Cunha recebeu mais uma grande honraria. A edição de novembro da revista norte-americana Swimming World, a mais importante e tradicional revista do esporte, publicou os melhores nadadores de águas abertas do mundo de 2019 (link). Em escolha do corpo editorial da revista, o alemão Florian Wellbrock e Ana Marcela Cunha foram os escolhidos. É a primeira vez que Ana Marcela ganha este reconhecimento.

 

Foram cinco vitórias em etapas do FINA Marathon Swim Series, duas medalhas de ouro no Mundial de Gwangju ( 25km e 5km) e a classificação olímpica nos 10km, primeira brasileira a ganhar o ouro das águas abertas nos Jogos Pan Americanos, primeira campeã mundial nos Jogos Mundiais de Praia, primeira campeã dos Jogos Mundiais Militares. Também se sagrou campeã americana disputando a seletiva da USA Swimming, fator que pode ter sido decisivo nesta escolha.

 

“ Fiquei realmente surpresa com este prêmio. Mas foi um ano mágico, super produtivo, alcançamos todos os objetivos traçados.  Eles são muito técnicos na escolha e por isso é uma honra e muito gratificante ser eleita por esta tão importante revista pela primeira vez. Mais um pra coleção”, brincou.

 

Na última sexta-feira, o Comitê Olímpico do Brasil também anunciou o nome dos atletas finalistas para o Prêmio Brasil Olímpico, a maior premiação do esporte brasileiro e que terá a sua cerimônia no dia 10 de dezembro na Cidade das Artes, no Rio de Janeiro. Ana Marcela Cunha está na disputa da melhor atleta feminina junto com Beatriz Ferreira do boxe e a esgrimista Nathalie Moelhausen. Ana Marcela já venceu o Prêmio Brasil Olímpico em duas oportunidades: em 2015 e no ano passado. Lembrando que na modalidade – maratona aquática – a baiana levou o prêmio oito vezes.

 

A grande surpresa agora será o prêmio da FINA, que ainda não anunciou o local, nem a data. Os Melhores do Ano da FINA, o FINA Gala Diner que premia anualmente os maiores destaques dos esportes aquáticos mundiais, irá agraciar Ana Marcela Cunha pela sexta vez, a maior das maiores, entre todos os esportes, a receber o prêmio de melhor do mundo pela sexta vez.

A FINA tem um critério de pontuação que contabiliza os resultados do Campeonato Mundial de Gwangju e dos circuitos de águas abertas que deu mais uma vitória a nadadora brasileira.

 

Ana Marcela Cunha é atleta da Unisanta, Marinha do Brasil e tem patrocínio do Bolsa Atleta Pódio/Secretaria do Esporte, Nissan, Speedo, Time Petrobrás, Ajinomoto e parceria com os Correios/CBDA, Atletas de Marca, Care Club e Time Brasil/COB.*